quinta-feira, 18 de junho de 2015

Foi da noite para o dia,
eu dizia,
mas tu me olhavas
e não falavas nada.
Eras.

Nenhum comentário: