segunda-feira, 3 de maio de 2010

Voltei:
to-tal-men-te de-sor-ga-ni-za-da
nem sei mais a diferença entre poesia e prosa
há realmente a necessidade de dizer
que escrevo uma ou outra?
Coincidências se agigantam:
também ouvi língua e quereres hoje
e as borboletas?
Resistem:
não vou aguentar tanta lucidez

Nenhum comentário: