sexta-feira, 13 de março de 2009


Cinco poemas descabidos
entre a prosa da minha vida
e eu tomando dois litros
de guaraná Antártica
sem gás

escrevo desesperadamente
e nem um - nenhum - verso
me contenta

"Não tem mais nada, não"
A música - mesma música
que toca desde os quatorze anos
em néon

Não tenho regularidades
intento non sense e desisto
morreu a entrelinha
não sei o que fazer com o resto

Meu pai disse ontem
"Ela não é o máximo,
é o excesso"
Sou eu.

10 comentários:

Flavio Ferrari disse...

Beijo no coração ... que bonitinho.
Gostei.
Outro para você.
E já que estás sem versos, te presenteio com um:

Quando não há o que fazer
Não faça nada
Espere acontecer

Janaina Brum disse...

Prefiro "Faça acontecer"! Não gosto de esperar... hehehe

Flavio Ferrari disse...

A essa hora da madrugada não dava para fazer um Hai-Kai melhor ... sorry.
Valeu a intenção da semente ?

Janaina Brum disse...

Obviamente, te provoco porque gosto de te ver escrevendo!!!!

Ricardo Kersting disse...

Oi Jana. Penso que a gente deve fazer tudo que tem necessidade.. Não deve esperar acontecer nada, essa convenção de esperarar pela musa, é muito poético. Fizeste cinco poemas , cinco é um número interessante, aberto cheio de possibilidades como a tua mão. Eu penso que o poeta só deve deixar de escrever quando estiver dormindo neste momento ele deve sonhar. Ferreira Gullar disse que devemos escrever muito quando não temos nada para escrever, acho que foi o que fizeste, não te contentavas com nada e saiu este lindo poema.
Eu costumo seguir essa idéia de Ferreira Gullar, não espero por inspiração, não posso depender dela, simplesmente trabalho.
Mataste a charada logo acima, "melhor fazer acontecer"
Beijo no "teu" coração

teresinha brandão disse...

Lindo, como sempre! Escrito por mãos mais do que habilidosas!
Bj, querida!
Tê!

A Palavra Mágica disse...

Janaina,

Continue se excedendo, assim podemos sempre ler seus inquietantes versos. Exceda no refrigerante sem gás, exceda nas palavras, nos sentimentos.

Assim será sempre o máximo.
Assim será sempre você.

Beijos!
Alcides

Zisco disse...

Pensei que vc fosse do mate com cerveja, kkkkkkkkk!!!!!!!!

Cuidado com esses refrigerantes dão celulite e engordam pacas.

Anne M. Moor disse...

Escreve que nós agradecemos :-)

Andei afastada pq estava a viajar... Voltei...

Beijos

Janaina Brum disse...

Amigos, obrigada pelas palavras e pela leitura!
Anne, estava sentindo tua falta!
Bj a todos