domingo, 15 de fevereiro de 2009


Fragmentos de um discurso amoroso

VIII

Penso em ti
e logo estranha
como numa carta fluente
se entranha
eu te desejo em meu desejo
e tu o inviabilizas
tornado verdade
escreves
exatamente aquilo
que eu não digo
pontinho de decomposição
no nariz

Janaina Brum d'après Roland Barthes

Nenhum comentário: