sábado, 26 de janeiro de 2008


Só o ímpeto fulgurante

De espadas, lutas e relances

É capaz de tornar o dia

Suscetível.


E eu era golpes e contratempos -

Contra todos os golpes,

Contra todos os tempos.

Sentia dores

Que não cabiam nos comprimidos.


Atrás dos olhos,

Eu travava batalhas e

Negava amores,

Sonhando os mínimos detalhes

E apartando o desejo

De ser eterna.


Atrás das portas,

Eu espiava teus ares

De ser divino

E lançava o destino

Nas tuas mãoas,

Assim, de relance.


Agora, eu - todos os dias -

Olho (de trás dos olhos, atrás das portas)

Teus arroubos de

Opressão e liberdade.

Talvez, um dia, saibas

Que o modo certo é o

Caminho que tu escolhes,

Que a hora certa vem

E não aguarda,

Que o dia sempre pode...

E deve...

Ser sempre outro.


Jana

2 comentários:

Diames disse...

Estão ótimos!!!!
Mas este foi o meu preferido!!!
Beijos!!!
Essa guria tem talento tchê!

superior disse...

dolce bag
dolce gabbana handbags
dolce gabbana bag
dolce gabbana handbag
balenciaga bag